IMPORTÂNCIA DO CAFÉ DA MANHÃ NAS POUSADAS

O café da manhã é a principal refeição do dia para o ser humano. Nas pousadas e nos hotéis é um dos serviços considerados mais importantes pelo hóspede. Logo, é uma refeição que deve ser bem preparada e com bastante fartura, afinal, na maioria dos estabelecimentos é servido como cortesia. Então, investir no serviço impecável e diferente é fundamental.

Quem não gosta de acordar e encontrar uma fartura de café da manhã pronto né? Valem pensar em todos os detalhes como a toalha de mesa, utensílios, guardanapos, talheres e o mais importante nesse momento, a higiene.

Mas por que o café da manhã é tão importante nas pousadas e hotéis? Uma pesquisa feita no site hotels.com apontou que um dos serviços mais avaliados pelos clientes é o café da manhã. Sendo assim, investir nesse serviço se torna algo muito importante e necessário.

Não podemos descartar um bom atendimento, ambiente limpo, lugar agradável, até porque os clientes também avaliam isso.

Por conta da pandemia do covid-19, novos hábitos foram adquiridos e algumas mudanças ocorreram para garantir a segurança dos clientes.

Sendo assim, é de extrema importância evitar o contato físico. O uso de descartáveis e embalagens individuais é fundamental. Porém, escolha usar a manteiga, geleia, açúcar, granola, entre outros, em embalagens separadas. Assim manterá a segurança do estabelecimento.

Nunca se esqueça de decorar o ambiente e deixar mais receptivo. Pequenos gestos podem fazer a diferença.

Muitas pousadas e hotéis aderiram servir o café da manhã nos quartos. Dessa maneira, o cliente se sentirá acolhido e mais confortável por saber que pode ter conforto e privacidade, caso opte.

Gostou das nossas dicas? Espero que sim! Venha aproveitar o nosso café da manhã maravilhoso em nossas pousadas.


Fonte: https://blog.bomsabor.com.br/a-importancia-do-cafe-da-manha-para-pousada-ou-hotel/#:~:text=Por%C3%A9

ENTENDA A DIFERENÇA ENTRE HOTEL E A POUSADA

Muitas pessoas não sabem a diferença entre o hotel e a pousada.


O que é uma Pousada?


No dicionário, o termo pousada significa: Casa em que se admite hóspedes; pensão, hospedaria, albergue.”
A pousada nada mais é que um estabelecimento comercial que oferece estadia para a pessoa em troca de um valor (diária).


Características de uma pousada
São instaladas na horizontal;
Não tem mais do que três andares;
Única construção ou diversas construções;
Chalés, bangalôs e pequenas casinhas;
Recepção;
Alojamento;
Alimentação;
Piscina;
Estacionamento;
Banheiro privativo;


O que é um hotel?


No dicionário, o termo hotel significa: Estabelecimento que provê alojamento e, habitualmente, refeições, entretenimentos e outros serviços para o público. O hotel tem a mesma função de uma pousada, mas não é a mesma coisa.


Características comuns do hotel
Hóspede é direcionada para uma unidade habitacional;
Quarto mobiliado;
Banheiro privativo;
Telefone;
Internet;
Estacionamento;
Academia;
Restaurante;
Lavanderia;
Spa;


Diferença entre Pousada e Hotel
Iguais, porém diferentes. Existem características parecidas entre os dois modelos de hospedagem, confira:


Hotel
Pode chegar a ter mais de 200 quartos;
Pode chegar a mais de 100 andares;
Equipe dividida por setores;
Dividido apenas em quartos ou apartamentos;
Formal;
Tem televisão, ar condicionado e frigobar;
Procurado por viajantes a trabalho
Funciona o ano inteiro;


Pousada
A maioria tem no máximo 30 quartos;
Possui em média 3 andares;
Equipe de colaboradores é menor;
Pode ser divididas em quartos, chalés, cabanas, casas;
É mais familiar;
Muito procurada por viajantes a passeio;
Algumas abrem apenas na alta temporada;

E aí, gostou de saber a diferença entre pousada e hotel?

DICAS DE COMO ECONOMIZAR PARA FAZER UMA VIAGEM

Viajar, conhecer pessoas novas, lugares novos é um sonho de muita gente.

Mas como viajar sem dinheiro? Além dos gastos mensais, quase não sobra dinheiro para fazer uma viagem, é ai que surge a famosa dúvida: Como juntar dinheiro para viajar?

1° passo- Planejamento

Quando pensamos no custo de uma viagem, é comum pensar na gasolina, se for de ônibus ou avião, na passagem. Porém, é importante pensar:
Na documentação;
Taxas para bagagem;
Custos de hospedagem;
Custos da alimentação;
Custos de transporte e telefonia na cidade visitada (se caso for para fora do país);
Compras locais (famosas lembrancinhas);
Restaurantes;
Atrações turísticas;
Passeios guiados;

2° passo- Organize sua vida financeira

Muito importante fazer um planejamento financeiro e isso serve para todas as pessoas.
Faça uma planilha, comece colocando o quanto você ganha, quanto você gasta e onde gasta. Dessa forma, fica mais fácil de controlar o seu gasto.
Depois que você organizar sua vida financeira, é a hora de começar as economias.

3° passo- Encontre maneiras para começar a economizar

Comece descartando gastos supérfluos, como:
Fast food;
Comer em restaurantes;
Compras desnecessárias;
Academia (faça em casa mesmo seus exercícios);
Compras parceladas;
Festas;

É essencial definir metas financeiras, comece com a poupança, defina uma porcentagem que você possa depositar todos os meses.
Se for de avião ou ônibus, compre suas passagens em um momento oportuno. Os preços costumam oscilar muito, então fique de olho.
Não viaja em alta temporada se você não tem muito dinheiro. Dependendo da época que você for escolher os preços podem triplicar.
Utilize aplicativos de desconto. Existem aplicativos que te dão pontuações.
Procure formas de gerar renda extra, exemplos: Brechó de coisas que não usa mais.

4° passo- Acompanhe o seu progresso

Reserve um dia do mês para acompanhar os seus lucros e os seus gastos. Investe o seu dinheiro, procure checar se a carteira de investimentos escolhida é o mais adequado ás suas pretensões.
Juntar dinheiro não é um bicho de sete cabeças, mas é preciso se organizar e ter consciência dos seus gastos.

Depois dessa dica, que tal planejar uma viagem?

Fonte: https://blog.rico.com.vc/como-juntar-dinheiro-viajar

Dicas de como arrumar a mala de viagem

Arrumar as malas sempre foi difícil, seja para os homens até mesmo para as mulheres. Você compra as passagens, planeja o seu dia, compra roupa, biquíni, e pensa que nada vai dar errado. Acontece quem nem sempre as coisas saem como planejado e esquecer é normal no nosso cotidiano.
Para que nada de errado aconteça, trouxe algumas dicas necessárias que todo mundo deve saber ao viajar.


Qual será o seu meio de transporte?


Se for de avião é preciso ficar atento as novas regras de bagagem das companhias aéreas.
Voos internacionais: uma de 32 kg e a outra 23 kg.


Itens proibidos: Cigarros, bebidas, produtos contendo organismos geneticamente modificados, réplicas de arma de fogo, agrotóxicos, mercadoria atentatória á moral, substâncias entorpecentes ou drogas, entre outros.


Faça uma lista

A famosa lista para não se esquecer de levar nada! Faça no bloco de notas do celular ou em uma agenda que não culpe espaço na bolsa, ok?
Anote tudo! Qual motivo da viagem? Anota se está indo para visitar alguém, se quer conhecer os pontos turísticos.
Quanto dia irá ficar? Muito importante saber a quantidade de dias, para você não se esquecer de levar nada ou levar coisa demais.
Vai está frio ou calor? Olhar o clima antes de fazer as malas, para não faltar aquele traje de banho ou até mesmo aquela blusa de tricô bem quentinha.

Monte o look: Montar os looks do dia economiza tempo e organiza sua mala.
Como devo dobrar minhas roupas?
Muita gente dobra, outras fazem rolinho. Os dois métodos estão corretos e não existe jeito melhor. Dobre normalmente as peças de grande volume (casacos), as meias você pode deixar dentro dos sapatos e encaixe as peças intimas nos vão da mala.
Sem nécessaire grande
O volume da nécessaire certamente vai ocupar um espaço e te atrapalhar.
Toalha? Pode deixar em casa!
Hoje as pousadas disponibilizam toalhas para os hóspedes, então sem levar tolha ok?
Importante deixar todos os itens que separou para viagem na vista. Dessa forma, terá uma noção melhor do que precisa ou não levar.


E ai? Gostou das dicas?


Fonte: https://www.alem.com.br/guia/planejamento/como-arrumar-mala-viagem

DICAS PARA CURTIR A POUSADA E SE PROTEGER DO COVID-19

Todas nossas pousadas estão seguindo as normas de segurança, para receber nossos clientes da melhor forma possível. Se você pretende curtir em uma das nossas pousadas, precisa entender todas as regras de prevenção do covid-19.


Nossos pontos turísticos estão funcionando normal. Isso inclui as praias, farol de Santa Luzia, morro do moreno, restaurantes, shopping, entre outros. Isto é, mesmo com o covid-19, você poderá aproveitar de várias atividades! Vale lembrar-se de usar todas as proteções e ficar atento.


Dicas de como aproveitar e se proteger

  1. O uso de máscara é obrigatório
  2. Deve haver o distanciamento entre pessoas de, no mínimo 1,5 metros.
  3. Não é permitido aglomerar.
  4. É permitido ir às praias, porém não é permitido o uso de cadeiras e guarda- sol sejam eles alugados ou não.
  5. Evite ir a praias cheias.
  6. De preferência ao carro, viajar de carro evita contato com outras pessoas.
  7. Se viajar em feriado, prefira ficar quieto dentro da pousada.
  8. Se estiver com qualquer sintoma, ou mesmo se tiver exposto á situação de contágio, faça quarentena.
  9. Passe álcool gel nas mãos antes de tocar em qualquer lugar da pousada.
  10. Tenha bom senso. Estamos em uma época atípica. Ajude os empreendedores, para que quando essa fase passar, continuamos a aproveitar o aconchego das Pousadas.

Desta forma, lembre-se de levar no mínimo duas máscaras caso passe mais de 2 horas na praia, além de álcool em gel.


Gostou das dicas? Agora que você já sabe as normas, aproveite o seu final, seja sozinho ou com a sua família. Indique para os seus amigos e venha se desfrutar dos nossos quartos e da área de lazer.


Fonte: http://viajantemaduro.com.br/como-se-comportar-em-hoteis-e-pousadas-em-tempos-de-pandemia-20-orientacoes-para-uma-hospedagem-segura/

Aprenda a criar um roteiro de viagem

Planejar uma viagem é um processo que, apesar de divertido, pode causar uma enorme dor de cabeça caso falte organização.

Muitas vezes acabamos nos estressando e até mesmo deixando de aproveitar as viagens que fazemos por conta do estresse excessivo causado por contratempos e imprevistos oriundos da falta de planejamento e organização.

É por isso que, antes de qualquer viagem, precisamos colocar no papel todas as ideias e possibilidades para o passeio.

Além de evitar problemas, aliás, o planejamento serve para otimizar o tempo e dinheiro gastos na viagem fazendo com que você aproveite seu destino da melhor maneira possível.

Pensando nisso preparamos uma série de dicas para que você entenda como criar um roteiro de viagem.

Tá esperando o que para conferir?

Antecedência

O primeiro pilar de qualquer planejamento e organização de roteiro é o tempo de antecedência.

Ao planejar com antecedência é possível encontrar melhores preços de passagens e hospedagem, além de ter mais tempo hábil para pensar nos pontos a serem visitados e no itinerário geral da viagem.

A antecedência é um dos principais fatores que combatem os imprevistos na organização de qualquer coisa, e com as viagens não é diferente.

Defina o objetivo da sua viagem

Traçar o objetivo da sua viagem é essencial para entender como aproveitar os dias de passeio da melhor maneira.

Se você está viajando para se divertir com a família, por exemplo, busque opções de passeios e pontos turísticos que agradem a todos.

Se o seu objetivo é descansar, no entanto, vale a pena procurar por opções de hospedagem de qualidade, praias mais reservadas e até mesmo passeios individuais.

Definir um objetivo é crucial não só para decidir o itinerário da viagem, mas também para definir o destino em si.

Escolha a melhor época

Essa etapa do planejamento está diretamente ligada ao objetivo da sua viagem.

Se você quer curtir as praias do Espírito Santo, por exemplo, o ideal é viajar no verão, apesar do estado ter um clima quente e convidativo durante quase todo o ano.

Se você gosta mais de um friozinho, no entanto, vale a pena esperar até o inverno para conhecer novos lugares.

Além disso, vale a pena destacar que viagens fora de temporada são sempre mais baratas e, por isso, também valem a pena.

Defina seu orçamento

Por mais que a ideia de limitar as possibilidades de uma viagem seja dolorida é necessário definir o orçamento disponível para evitar possíveis imprevistos futuros.

Ao viajar sem se planejar financeiramente você corre o risco de ficar sem dinheiro no meio da viagem e, com isso, acabar não aproveitando o passeio como poderia.

Coloque no papel o que você pode gastar com alimentação, locomoção, passeios pagos e compras.

Além disso, sempre reserve uma quantia em dinheiro para possíveis emergências durante a viagem.

Documentação

Providencie e reserve os documentos necessários com antecedência para evitar que haja algum problema de última hora.

Para quem viaja para fora do país, por exemplo, é necessário ter o passaporte em dia.

Para viagens desacompanhadas de crianças com menos de 12 anos de idade é necessário uma autorização dos responsáveis.

Caso a criança esteja acompanhada de um parente de grau ascendente ou colateral (avô, avó, tio, tia) são necessários documentos que comprovem o parentesco.

Hospedagem

Escolher um lugar que proporcione uma estada confortável e tranquila é essencial para que você evite qualquer estresse na viagem, afinal, o maior objetivo é relaxar.

Busque por referências, comentários de pessoas que já passaram pelo hotel e até mesmo busque imagens das instalações de cada um a fim de definir qual é o que oferece o melhor serviço de hospedagem.

Além disso é importante comparar preços para encontrar um lugar que, além de ser confortável, caiba no seu bolso.

Temos certeza que essas dicas vão te ajudar a planejar suas viagens e evitar qualquer imprevisto que possa atrapalhar o seu momento de descanso e diversão.

E aí, que tal começar a planejar sua próxima viagem?